Home Notícias
Jorge e Mateus e Bell Marques agita…

Jorge e Mateus e Bell Marques agitaram o VillaMix Private em Natal


Com shows de Gabriel Diniz, Jorge e Mateus, Bel Marques e Israel Novaes, além de apresentação da DJ Larissa Lahw, o VillaMix Private Natal 2015, o festival de música, atraiu muita gente neste sábado, 23 de maio, na Vila Folia, em Natal.

Os portões da Vila Folia, espaço de shows da Destaque Propaganda, empresa organizadora do Carnatal, o carnaval fora de época de Natal, foram abertos às 17 horas, mas o primeiro show de Gabriel Diniz começou por volta das 19h30min.

Os shows mais aguardados pela galera que compareceu ao VillaMix foram de Jorge e Mateus e de Bel Marques, ex-vocalista da banda Chiclete com Banana.

A dupla goiana conquistou os fãs de Natal, que foram com cartazes para demonstrar todo o carinho aos músicos. Eles retribuíram cantando os hits da dupla e também novas músicas, como “Os Anjos Cantam”, do CD lançado este ano.

Jorge e Mateus anunciaram para setembro a gravação ao vivo do DVD com um show em Goiânia.

Durante o show na Vila Folia, Jorge distribuiu para os fãs minis toalhas com o nome da dupla bordado.

Depois da dupla goiana, Bell Marques desfilou os sucessos da sua antiga banda Chiclete com Banana, colocando os chicleteiros para dançar.

O ponto alto do seu show foi quando Bel cantou várias músicas nordestinas, como “Tareco e Mariola”, música de Flávio José, que o baiano canta em seus shows, um clássico das Festas Juninas do Nordeste.

“Eu não preciso de você/O mundo é grande e o destino me espera/Não é você quem vai me dar na primavera/As flores lindas que eu sonhei no meu verão”, cantou Bell, para em seguida emendar com a música cantada por Amelinha, “Foi Deus que Fez Você”, de autoria de Luis Ramalho.

Para arrematar o clima junino, Bell cantou “Dona de Minha Cabeça”, de Geraldo Azevedo.

Antes, o ex-vocalista do Chiclete já tinha desfilado seus sucessos das micaretas, como o Carnatal, cantando “Se me Chamar, Eu Vou”, “Selva Branca”, “A Fila Anda”, “Rumba de Santa Clara”, entre outros hits, além de cantar o sucesso de Pablo, “Porque Homem Não Chora”, de Nauber.

No show, Bell ainda cantou música do filho, enquanto o telão atrás do palco mostrava as fotos de Pipo e Rafael Marques, da banda Oito7Nove4.

A parte negativa do VillaMix foi a espera entre um show e outro, já que a estrutura do festival só montou um palco. Do primeiro para o segundo show, ou seja, de Gabriel Diniz para Jorge e Mateus, foram 50 minutos de espera.

Mas o maior intervalo aconteceu entre Jorge Mateus e Bell Marques, com 1h10min, deixando muitos irritados. Mesmo a apresentação da DJ Larissa não amenizou a espera, com muita gente indo embora, principalmente os fãs da dupla goiana.

O show de Bell Marques começou já 0h20 de domingo e acabou às 1h40min. Os fãs dele também foram embora ao final da sua apresentação e o VillaMix se esvaziou, ficando pouca gente para assistir a última apresentação do festival, o cantor Israel Novaes.

Para alguns presentes no VillaMix, era muita “sofrência” esperar entre um show e outro, numa referência a um dos sucessos de Israel Novaes, “Ô Sofrência”.

 


Outras notícias
23/02/2020
Depois de Brown, Monobloco agita domingo de Carnaval em Natal

Depois de Carlinhos Braw, banda Monobloco agita o domingo de Carnaval em Ponta Negra


31/12/2019
Translado autônomo tem melhor preço do aeroporto de Natal para hotéis de Ponta Negra

As tarifas dos táxis e dos aplicativos que operam no Aeroporto Internacional de Natal baixaram de preços nesta alta temporada 2020.


27/12/2019
Gastronomia, música e artesanato no espaço da Árvore de Natal até 6 de janeiro

Considerada a Árvore de Natal mais alta do Brasil, com 110 metros, numa estrutura metálica com 400 mil micro lâmpadas de led nas cores prata e dourado…


25/12/2019
Show de Dorgival Dantas nesta quarta na Árvore de Natal

Dando continuidade a programação do Natal em Natal, a  prefeitura de Natal programou para esta quarta-feira, dia 25 de dezembro, a partir das 19 horas…











Publicidade

Publicidade