Home Notícias
Uruguai vence em Natal e manda a It…

Uruguai vence em Natal e manda a Itália mais cedo para casa


Natal encerrou sua participação na Copa do Mundo 2014 assistindo um ótimo jogo do grupo da morte, com a "Celeste" uruguaia derrotando por 1x0 a seleção da Itália, que volta para casa mais cedo, enquanto a seleção dos “hermanos” prossegue nas oitavas de final enfrentando a Colômbia.

A Arena das Dunas recebeu o maior público dos quatros jogos disputados na cidade, que recebeu o primeiro jogo no dia 13 de junho, com o México vencendo a seleção dos Camarões por 1 a 0. Depois, no dia 16, os Estados Unidos venceram Gana por 2x1, enquanto Japão e Grécia jogaram dia 19, empatando sem gols.

Uruguai venceu a Itália com um gol de costa do zagueiro Diego Godín, aos 36 minutos do segundo tempo, que eliminou a "Azurra" que precisava apenas de um empate. Agora a “Celeste” pega a Colômbia nas oitava de final.

O jogo começou às 13 horas, mas as torcidas brasileira, uruguaia, italiana e de outros países, como México, Colômbia, Estados Unidos e Japão, entre outros países, começaram a chegar no estádio já por volta das 9 horas da manhã.

O clima no entorno da Arena das Dunas foi tranquilo entre as torcidas, mas a Polícia Rodoviária Federal que fazia o controle da chegada dos torcedores ao estádio deteve alguns estrangeiros comercializando ingressos. Na mão de cambistas, os ingressos eram oferecidos a partir de R$ 400,00 até R$ 1.500,00.

Alguns estrangeiros carregavam placas com Need Ticket, ou seja, que necessitavam de ingressos. Teve torcedor que deu sorte e comprou, outros desistiram diante dos altos preços dos ingressos nas mãos dos cambistas.

No jogo, a torcida uruguaia era maioria e o azul claro predominou nas arquibancadas, enquanto a seleção jogava com um uniforme branco, já que a Itália entrou com a tradicional camiseta azul escura.

Entre momentos mais tensos do jogo, num deles, o atacante Luis Suáres mordeu o ombro do italiano Chiellini, enquanto Marchisio foi expulso após uma falta mais violenta sobre Arevalo Rios, deixando a “Azurra” com 10 jogadores.

Depois do apito final, a torcida do Uruguai fez a festa pelas ruas de Natal. À Noite, nos bares e na orla de Ponta Negra, que concentra a maioria dos hotéis e pousadas da cidade, os uruguaios marcaram presença. Eles tomaram muitas caipirinhas e cerveja.

Num determinado local da orla de Ponta Negra, os italianos assistiram a festa dos uruguaios, mas sem nenhum incidente. Os torcedores da “Azurra” reconheceram a  raça dos jogadores da “Celeste” e preferiram tomar caipirinha e cerveja. Ates do jogo, os italianos acreditavam na vitória com gols do atacante Mario Balotelli, que acabou sendo substituído no segundo tempo.

Como o empate não veio, a Itália voltou mais cedo para casa, mas alguns torcedores italianos decidiram continuar em Natal para curtir suas praias.

Já os torcedores do Uruguai acreditam num segundo “maracanazo”  e sonham com uma final com o Brasil no dia 15 de julho, no Maracanã, no Rio de Janeiro, palco da derrota da seleção Brasileira na Copa de 1950 para a seleção “Celeste”.

Mas antes, o Uruguai pega a Colômbia no dia 28 de junho, às 17 horas, no Maracanã, onde existe o risco da "Celeste" também conhecer o "maracanaço".

 

 


Outras notícias
23/02/2020
Depois de Brown, Monobloco agita domingo de Carnaval em Natal

Depois de Carlinhos Braw, banda Monobloco agita o domingo de Carnaval em Ponta Negra


31/12/2019
Translado autônomo tem melhor preço do aeroporto de Natal para hotéis de Ponta Negra

As tarifas dos táxis e dos aplicativos que operam no Aeroporto Internacional de Natal baixaram de preços nesta alta temporada 2020.


27/12/2019
Gastronomia, música e artesanato no espaço da Árvore de Natal até 6 de janeiro

Considerada a Árvore de Natal mais alta do Brasil, com 110 metros, numa estrutura metálica com 400 mil micro lâmpadas de led nas cores prata e dourado…


25/12/2019
Show de Dorgival Dantas nesta quarta na Árvore de Natal

Dando continuidade a programação do Natal em Natal, a  prefeitura de Natal programou para esta quarta-feira, dia 25 de dezembro, a partir das 19 horas…











Publicidade

Publicidade